ATA 17/08/16

Gabriel abre a reunião e apresenta a ordem do dia com a pauta da reunião: 1) Votação de recurso do Funturismo para apoio a realização do Evento Aves de Paraty (valor 11.000 reais); 2) Discussão sobre a prioridade de investimento do FUNTURISMO para a assessoria de imprensa para o turismo do Município 3) Composição do Novo Conselho (Plenária final de fechamento da novos conselheiros e conselheiros que vão continuar) 4) Assuntos Gerais. Gabriel apresenta o primeiro ponto de pauta a votação do recurso do FUNTURISMO. Sylvia explica detalhadamente a proposta do Evento “Quarta edição do festival de Aves de Paraty”. Sylvia apresenta as parcerias envolvidas, o formato do evento, seu público, escolha do local, que esse ano acontecerá no morro do forte. Um espaço público de excelência que pode ser melhor e mais utilizado, é uma área verde com muitos pássaros ideal para as atividades de cunho de educação ambiental do Evento. Sylvia conclui que as palestras trazem um caráter cientifico e educativo das atividades e o público alvo é um público que traz dinheiro e valoriza a conservação do meio ambiente. Sylvia solicita aos presente a disponibilização do recurso do Funturismo na ordem de 11.000 reais a finalidade é viabilizar estruturas e parte de materiais de comunicação. Não se tem o valor exato orçado para isso fica acordado que se o valor for inferior a 11.000. Será gasto somente o suficiente. Gabriel faz consulta aos conselheiros votantes. Que por unanimidade aprovam a utilização do recurso. Segundo ponto de pauta: utilização do Funturismo para assessoria de imprensa do Município. Sebastian fala das mídias negativas que ultimamente saem sobre o Município. Que o recurso seria muito bem utilizado fortalecendo o turismo local, principalmente se forem contratados bons profissionais e buscar empresas que tenham especialidades no assunto. Wladimir explica que de todo o modo que o processo de contratação pelo poder público envolve a licitação tem que ter, tem que convidar três empresas, tem que fazer licitação. O orçamento ficaria em torno de 12 mil reais por mês. Sebastian se preocupa com a qualidade da empresa escolhida. Patrícia explica que no termo de referência é que iremos especificar as exigências da contratada de acordo com as necessidades definidas. Wladimir falou que no passado já havia feito essa pesquisa e que vai buscar essa informação. Patrícia ficou de dar um suporte. Wladimir informa que ontem visitou o responsável pelo PRODETUR. E que o recurso do PRODETUR. Obra do cais foi homologada e parte para assinatura do contrato pela empresa. E depois começam as conversas com os barqueiros, para que as obras causem o mínimo transtorno. Sinalização turística, obra de infraestrutura do cais e a implantação do sistema de gerenciamento de gestão de tickets. Encaminhamento a Patricia enviar no mailling para todos os conselheiros conhecerem a proposta e na próxima reunião discutiremos o assunto com mais propriedade. Sebastian informa que através do convention bureau pediu um parecer da receita federal para respaldar sobre a legalidade da proposta de cobrança no cais. Mas ainda não teve resposta. Gabriel pergunta se os MEI (microempreendedor individual) serão consultados. Wladimir fala que sim provavelmente. Terceiro ponto de pauta a Composição do Novo Conselho (Plenária final de fechamento da novos conselheiros e conselheiros que vão continuar) Everaldo apresenta como está a composição e apresenta os setores: 1º Setor (poder público) 2º setor (Privado) e 3º setor (sociedade civil organizada). Na discussão do 1º setor Everaldo apresenta os nomes indicados pelo poder público, é feita uma alteração em Instituições Públicas Estaduais com atuação direta no Município no caso a instituição participante é o INEA que se mantém porém altera o nome do Sérgio Vieira para João Fernandes. Ficando Rodrigo Rocha como titular e Joao Fernandes como suplente. Instituições Públicas Federais com atuação direta no Município. Temos a participação de nova entidade o ICMBio na figura de sua unidade de conservação Federal ESEC tamoios ficando indicado os nomes Graziela
e Eduardo Godoy respectivamente titular e suplente. 2º Setor com a nova composição do COMTUR tivemos como novidade a inclusão do setor bares e restaurantes que será representado pela instituição Polo gastronômico. Nas pessoas dos conselheiros Edson Moura e Leila Braga respectivamente titular e suplente. No segmento meios de hospedagem teve a inclusão de nova instituição associação de hostels de Parati a ASHOP. Na figura dos futuros conselheiros André Marciano e bruno Pavesi. André se apresenta ao COMTUR, informa as preocupações de seu segmento hostel que vem buscando se organizar para ter padrões de qualidade. Faz breve discussão sobre problemas relatados nos hostels. Wladimir sugere uma reunião com o segmento. As vagas da transportadora turística com a participação da JAP numa cadeira com os conselheiros Alexsandro de Jesus e Alexandre tavares titular e suplente respectivamente. A outra vaga para transportadoras turísticas foi indicado durante a reunião pelo Sebastian a empresa Netuno Tours com os futuros conselheiros Alexandre Stanice e Simone Stanice titular e suplente respectivamente. Agências operadoras de turismo ficaram instituições diferentes como titular ficou a Estrela da Manhã com o conselheiro Ronaldo Campos, e Sandra Barros da Soberano da Costa inserida durante a reunião por wladimir. Nos meios de hospedagem não recebeu nenhum ofício dos conselheiros integrantes atuais, Gabriel durante a sessão entra em contato com o Sr Nelson da pousada rumo dos ventos que pede por whatsapp para ser inserido como titular da vaga. E a Beth o Gabriel não conseguiu entrar em contato e a colocou como suplente. 3º Setor de novidade tivemos o preenchimento da cadeira de associação de moradores. No caso o do terceiro distrito que no mandato de 2014/2016 sempre esteve vago. Agora será preenchida pela associação de moradores do São Roque nas figuras dos conselheiros Júlio Stanice e Antônio Carlos Vasconcelos Gama titular e suplente respectivamente. As outras associações ficaram 1º Distrito ilha do Araújo, 2º Distrito quilombo do campinho e 3º Distrito com associação de moradores de São Roque. Everaldo expõe a questão problemática quanto as Instituições jurídicas sem fins lucrativos com finalidades turísticas que na gestão 2014-2016 tivemos um problema pois eram apenas três vagas e tínhamos nomeadas quatro instituições. Agora nesse novo momento estamos tentando aperfeiçoar a composição do conselho e nas alterações do conselho resolvemos que agora seriam três instituição de fato, pois para manter a paridade entre os setores do COMTUR. Foram recebidos os ofícios das instituições Convention bureal, associação Cairuçú, e Paraty cultural. Hoje durante a plenária tivemos a Luana (Casa Azul) que se disse interessada em participar do COMTUR apesar de não ter enviado oficio previamente. Gabriel solicita então que os 4 integrantes concorrentes se reúnam imediatamente e definam em consenso qual instituição abre mão da titularidade. Assim como foi combinado na reunião de julho que definimos que o máximo de decisão seria tomada em plenário e que evitaríamos decisões fora do plenário para que não gere dúvidas. Luana afirma que não tem condições de decidir ali ao vivo. E o Andre também confirma que não poderia responder também. Ficamos com essa pendência. Andre sugere que Everaldo faça um e-mail aos envolvidos solicitando decisão e dando um prazo para a decisão. Enviar e-mail para casa azul, Paraty Cultural, Cairuçú e Convention. Assuntos Gerais:Sebastian fala do calçamento que está muito ruim, resgatar a profissão de calceteiro. Sem mais as 17:00 horas da tarde de 17 de agosto de 2016, eu Everaldo Nunes, assino esta ATA lavrada por mim e rubricada por pelo menos três conselheiros participantes desta reunião.